No ano de 2010, o Brasil foi palco de uma notícia pouco divulgada mas que repercutiu em todo o mundo... da botânica! Botânicos surpreendidos do mundo inteiro voltaram de pronto seus olhos para o país naquele 19 de dezembro, pois nada menos do que uma Titan Arum acabara de florescer.

Tratou-se de um evento muito raro. Pela primeira vez, a maior flor do mundo florescia em terras tupiniquins, mais precisamente no Jardim Botânico da cidade de Brumadinho, em Minas Gerais. O último registro de desabrochamento de uma dessas no mundo havia ocorrido em julho daquele mesmo ano, no Japão. A Titan é originária das florestas tropicais de Sumatra, a maior ilha da Indonésia. A semente leva de 10 a 12 anos para germinar, dando origem a uma flor com cerca de três metros de altura e peso aproximado de 20 quilos. As partes correspondentes às pétalas podem atingir até cinco metros de comprimento. A planta floresce, no máximo, três ou quatro vezes ao longo de seus presumíveis 40 anos de vida, e cada floração dura em média apenas três dias. A Titan Arum é mesmo um acontecimento.

 

Leia o ensaio online

Baixar o ensaio em pdf