• circulodograal.com       *       circulodograal.com/loja

  • Av Dr Bernardino da Silva 15, 3º esqº  8700-301 Olhão    *    Portugal

  • circulodograal@sapo.pt       *       963 709 989

  • abdrphotocat.jpg
  • ansphotocat.jpg
  • berphotocat.jpg
  • jesusphotocat.jpg
  • matphotocat.jpg
  • pesphotocat.jpg
  • rosphotocat.jpg

 

    

A GRANDE PIRÂMIDE

revela o seu segredo

             de

   Roselis von Sass

 

     Preço: 12,00 €

        disponível

    encomendas para

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

Surgem imagens do passado e recordações se tornam vivas, como eco de uma era em que o ser humano ainda estava ligado com todos os entes da natureza, em radiante alegria… com os entes que ele hoje, em sua megalomania, não mais é capaz de reconhecer, não pressentindo sequer o que com isso perdeu… Num dos terraços sobre a casa de cura em Mênfis estava Sunrid, o egípcio. Com sua elevada estatura, vestindo um burnus branco, ele olhava, como se estivesse em grande expectativa, para a luz do sol poente, há muito que o sol, ao se deitar, não apresentava um vermelho tão cor de sangue.

Sunrid, contudo, pouco percebia do esquisito brilho vermelho que também o envolvia. Seu espírito estava escutando um chamado… O sacerdote-rei, Sargon, da Caldeia, estava chamando seus iniciados, de perto e de longe! Ele chamava-os para uma reunião extraordinária.

Sunrid acenava com a cabeça, afirmando. Sim, ele iria. Pois também ele, o egípcio, considerava a aldeia dos sábios, situada no riacho Ereth, na Caldeia, como sendo sua Pátria espiritual na Terra. Virou-se suspirando e começou a andar meditativamente de um lado para o outro, no terraço.

Uma reunião extraordinária? O que significava isso? Apenas uma única vez, segundo sua memória, realizara-se uma reunião extraordinária em Ereth. Naquele tempo tratara-se da despudorada mulher, que, durante uma solenidade, postara-se nua no degrau mais alto do Templo, anunciando um “novo deus” que doravante reinaria sobre a Terra e sobre o senhor do Sol, até o final...

Com preocupação no coração, Sunrid lembrava-se dessa ocorrência. Parecia-lhe que a Terra e o sol haviam perdido muito do seu resplendor, desde aquele dia, pois o incompreensível havia ocorrido. Um grande grupo de sábios abandonou as aldeias de Ereth, seguindo a despudorada mulher, que se dizia sacerdotisa… Sunrid olhava para as estrelas, como se ali em cima encontrasse a solução do enigma de tantas pessoas estarem colaborando com tanto afinco para sua própria destruição… logo depois, porém, libertou-se de todos os pensamentos de preocupação, e quando tudo se havia acalmado nele, elevou seus braços em direção ao céu, numa silenciosa oração de agradecimento: “Aqui estou, Senhor de toda a vida!...” Depois dessa oração, ele desceu para o andar inferior e atravessou com passos rápidos o amplo salão. No fundo do salão estavam seus aposentos. […]

Sargon, finalmente, levantou os braços para o alto, suplicando a bênção da Luz. Depois baixou os braços e cumprimentou os presentes, enquanto seu espírito, ao mesmo tempo, saudava todos aqueles que, fora da matéria, tinham atendido seu chamado. A seguir olhou sorrindo em redor, acenando também para as enormes figuras que em muito superavam a casa das revelações. Eram os gigantes, aos quais ele também havia pedido que viessem. Durante um momento Sargon olhou a forma branca de cerâmica, depois começou a falar:

-Estamos hoje aqui reunidos a fim de executar na Terra a ultima ordem do nosso Eterno Criador. Essa incumbência nos foi transmitida por um de Seus primeiros quatro servos. A última incumbência! Compreendeis o que essas palavras encerram? Um peso opressor abateu-se sobre meu peito, quando finalmente compreendi o significado dessas palavras. A respiração tornou-se difícil para mim, e eu senti que a Terra estremecia. […]

O significado da palavra pirâmide é “cristal em que arde o fogo da eternidade”! Só que… na pirâmide terrena não arderá nenhum fogo da vida eterna. Pelo contrário! Também nela se encontrará a indicação da decadência do género humano. Somente poderemos cumprir a última incumbência da Luz, se os gigantes nos ajudarem, recomeçou Sargon. As medidas que já estão determinadas para o construtor são gigantescas. Uma construção tão enorme somente poderá ser levantada com a força deles. Enak, o guia do grupo de gigantes, acenou afirmativamente. Do mesmo modo acenaram os outros gigantes. […]

 

 

 

 

O livro está disponível para aquisição na Loja do Círculo

 

LIVROS

  • ESPIANDO.jpg
  • RESPOSTA.gif
  • ZOROASTER.gif
  • NA_LUZ_VERDADE_COLECAO2.png
  • MOISES.gif
  • ASPECTOS.gif
  • JESUSENSINA.gif
  • PIRAMIDE.gif
  • JESUS.gif
  • FILHOHOMEM.jpg
  • REFLEXOES.gif
  • NTERRA.gif
  • BABILONIA.gif
  • ALICERCES.gif
  • ATLANTIDA.jpg
  • PRIMEIROS.png
  • mensagem.gif
  • CASSANDRA.jpg
  • lao.gif
  • AFRICA.gif