Carrinho - 0
Total : 0,00 €
Your Cart is currently empty!
Product update
Coupon
add
AJAX loader
Coupon code invalid! Please re-enter!

Submissão

“Seja feita a Tua Vontade!” Pessoas que creem em Deus pronunciam estas palavras com submissão! Vibra sempre, porém, uma certa melancolia em suas vozes ou transparece em seus pensamentos e em seus sentimentos intuitivos. 

Tais palavras são empregadas quase que exclusivamente onde um sofrimento inevitável se alojou. Lá onde o ser humano reconhece que nada mais pode fazer contra.

Então, se ele crê, fala numa inativa submissão: “Seja feita a Tua Vontade!”

Não é, porém, humildade que o faz falar assim, mas essas palavras devem proporcionar-lhe tranquilidade em relação a uma coisa onde ele próprio não tem mais possibilidade de fazer algo.

Esta é a origem da submissão que o ser humano em tal caso exprime. Fosse-lhe concedido, contudo, a menor possibilidade de uma alteração nisso, ele não perguntaria qual a Vontade de Deus, e seu devotamento resignado mudaria logo para a seguinte forma: Seja feita a minha vontade!

Assim é o ser humano!

“Senhor, faze comigo como quiseres!” e idênticas cantigas se ouvem muitas vezes durante os enterros. No seu íntimo traz, porém, cada ser humano enlutado a inabalável vontade: “Se me fosse dado mudar isto, imediatamente o faria!”

A submissão humana nunca é legítima. No âmago da alma humana jaz ancorado o contrário disso. Uma revolta contra o destino que lhe vem ao encontro, e é exatamente essa revolta que a faz sofrer, que a “oprime” e curva.

O que há de doentio nisso é o emprego erróneo do sentido destas palavras: “Seja feita a Tua Vontade!” Elas não pertencem ao lugar em que os seres humanos e as igrejas as utilizam.

A Vontade de Deus reside nas leis da Criação! Portanto, sempre que o ser humano diz: “Seja feita a Tua Vontade!” Isso equivale à afirmativa: “Quero prezar e seguir Tuas leis na Criação!” Prezar quer dizer considerar; levar em consideração estipula, porém, viver em conformidade! Só assim pode o ser humano prezar a Vontade de Deus!

Todavia, se ele a considera, se ele quer viver segundo ela, tem antes de mais nada que conhecê-la também!

Mas é exatamente neste ponto que a humanidade terrena pecou da maneira mais tremenda! A criatura humana até agora jamais se importou com as leis Divinas da Criação! Isto é, não se importou com a sagrada vontade de Deus. Entretanto, nunca cessa de repetir sempre de novo: “Seja feita a Tua Vontade!”

leia mais sobre o tema… Submissão – Volume I

Autor do blog

   
O Círculo do Graal, livraria online, oferece uma gama de livros sobre a evolução do género humano, civilizacional e espiritual, abrangendo eras e comportamentos, civilizações e figuras marcantes da nossa História.

Respostas a Perguntas

Este livro traz uma coletânea de perguntas de leitores, feitas entre 1924 e 1937, a Abdruschin, autor de "Na Luz da Verdade", sua obra principal.

Consulte a loja...

Blog mais recente

Deixai minha Palavra se tornar viva em vós, pois ...

A má qualidade do sono está associada, em grande ...

O Manifesto pela preservação da Dieta ...

Biografias

Abdruschin

A Mensagem do Graal foi escrita por Abdruschin, pseudónimo de Oskar Ernst Bernhardt, nascido a 18 ...

Coleção do Graal

Os livros pertencentes a esta categoria foram escritos por vários autores e sobre ângulos ...

Fernando José ...

Fernando José Marques (1947), educado em família de juristas e católicos praticantes, é Procurador ...

Mensagem do Graal

“Na Luz da Verdade – Mensagem do Graal” é uma obra escrita em três volumes pelo escritor Oskar ...

Roberto C. P. Junior

Roberto C. P. Junior é espiritualista, mestre em ciências, membro da Academia de Letras e Artes de ...

Roselis von Sass

Roselis von Sass (1906-1997), nascida na Áustria, no ano de 1906, passou sua infância na Europa, ...

Sibélia Zanon

Sibélia Zanon nasceu em 1978 em São Paulo. É jornalista, pós-graduada em jornalismo literário pela ...

Assine a nossa Newsletter
O seu mail nunca será fornecido a terceiros.
©2018 - Círculo do Graal - Todos os direitos reservados